Tôin de Lunga e Ronnas Motos voltam a Câmara de Juazeiro do Norte

12:09 Fagner Soares 0Comentários

Os vereadores Antônio Alves de Almeida (Tôin de Lunga-PSC) e Ronaldo Gomes de Lira (Ronnas Motos-PMDB) voltaram a atuar na Câmara de Vereadores na sessão desta quinta-feira (25). Eles voltam a casa após se encerrar o prazo de 180 dias desde o último afastamento decretado pela justiça. Os parlamentares são investigados pelo caso ficou conhecido como Escândalo das Vassouras ocorrido em 2013.

Os parlamentares Tôin de Lunga, que na época era presidente da Casa, e Ronnas Motos, na época tesoureiro, são acusados de participar de crime contra o erário público. No processo o Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE) aponta os dois como responsáveis pela aquisição de 4.200 vassouras, além de outros produtos de limpeza. Os juízes que determinaram os afastamentos entenderam que os parlamentares ocupavam cargos privilegiados e poderiam comprometer as investigações.

Em entrevista ao Site Miséria, Antônio de Lunga, disse que seu retorno se deve a convocação do presidente da Mesa diretora, Danty Benedito (PMN), depois de vencido o prazo no último dia 4. “Eu fui convocado pelo presidente e estou aqui à disposição da câmara, e da justiça, quantas vezes for convocado.”, disse o parlamentar. Já o vereador Ronnas deixou o plenário antes do fim sessão e não falou com a imprensa na ocasião.

O suplente de vereador Alberto Costa (PT) prometeu entra na justiça para tentar anular a sessão de terça-feira (23) por nela já constar na chamada o nome dos dois parlamentares afastados no mesmo instante em que ele, como um dos suplentes, não haviam recebido o comunicado oficial sobre o desligamento.
Fonte: Miseria.com.br
face

0 comentários: