Cuca faz novas alterações, mas Palmeiras é dominado pelo Osasco Audax

12:45 Fagner Soares 0Comentários

Em seu segundo jogo no comando do Palmeiras, Cuca tentou fazer novas mudanças no Palmeiras, mas nada deu resultado. O time foi totalmente dominado pelo Audax e perdeu por 2 a 1. O time alviverde ainda é líder no Grupo B do Campeonato Paulista, mas está longe de mostrar um bom futebol. O time de Osasco também lidera sua chave, na frente do São Paulo, com 16 pontos.

As novidades de Cuca no time titular foram João Pedro, Robinho e Gabriel Jesus, mas eles foram alguns dos piores jogadores da partida. O Osasco Audax deu um baile no 1º tempo. É verdade que fez o primeiro gol graças a um pênalti polêmico, bem cobrado por Velicka, mas foi além disso. Fez um gol bonito aos 32min, com Camacho, e apresentou um futebol bem diferente do adversário. Enquanto o Audax tocou a bola com tranquilidade, atacou com rapidez e marcou com intensidade, o Palmeiras abusou dos chutões, foi lento no ataque, ficou perdido na marcação, não criou sequer uma chance de gol e se limitou a reclamar de um pênalti não marcado aos 13min.

O Palmeiras voltou mais ofensivo para o 2º tempo e equilibrou a partida, mas com pouca contundência e muito desespero. O Audax atuou mais recuado, mas ainda encaixou bons contra-ataques e poderia ter ampliado a vantagem no placar. Acabou levando um gol de Lucas Barrios aos 32min e sofreu pressão demais no final.

Na próxima rodada do Paulista o Palmeiras vai enfrentar o Red Bull em casa, na quinta-feira. E o Audax receberá o Linense um dia antes.

FICHA TÉCNICA
OSASCO AUDAX 2 x 1 PALMEIRAS
Data: 20/03/2016
Horário: 18h30 (horário de Brasília)
Competição: Campeonato Paulista
Local: Estádio José Liberatti
Árbitro: Vinicius Furlan
Auxiliares: Fabricio Porfirio de Moura e Leonardo Augusto Villa (ambos de SP)
Cartões amarelos: Gabriel Jesus (PAL), Edu Dracena (PAL)
Gols: Velicka, aos 10min do 1º tempo; Camacho, aos 32min do 1º tempo; Barrios, aos 32min do 2º tempo
OSASCO AUDAX
Felipe Alves (Sidão); Francis, André Castro (Gabriel Nunes), Bruno Silva e Velicka; Tchê Tchê, Camacho e Juninho (Márcio Diogo); Mike, Ytalo e Bruno Paulo. Técnico: Fernando Diniz
PALMEIRAS
Fernando Prass; João Pedro, Edu Dracena, Vitor Hugo e Zé Roberto; Arouca, Gabriel (Rafael Marques), Gabriel Jesus (Erik), Robinho e Dudu; Alecsandro (Barrios). Técnico: Cuca

Fonte:uol

face

0 comentários: