Eurico critica Primeira Liga e avisa: "Daqui para frente será barata-voa"

13:16 Fagner Soares 0Comentários

Eurico Miranda convocou coletiva na tarde desta segunda-feira para criticar a distribuição de datas dos os jogos da segunda fase do Carioca Carioca e Primeira Liga, disputada por Fluminense e Flamengo. O presidente do Vasco é contra a realização do torneio regional, que tem acontecido para a Federação do Rio de Janeiro em caráter de amistosos. O mandatário volta a cobrar o cumprimento do dispositivo regulamentar que proíbe times do Rio de disputar competições em paralelo com o estadual.

Todos têm conhecimento dessa história de Liga, do desenvolvimento, de como foi feito, etc. Mas teve uma decisão. Que decisão teve? Teve uma decisão que seriam permitidas partidas amistosas e que a Liga poderia ser autorizada a partir de 2017. Ignoraram isso tudo. As coisas estão sendo colocadas como tendo fases classificatórias, etc. E com a conivência da CBF, com a conivência da federação. E a federação diz que está tomando a posição, e eu vou dizer por que não toma. E pior, com a conivência da televisão. Há uma decisão do arbitral da federação que os clubes não poderiam disputar qualquer outra competição paralelamente com o campeonato estadual nesse período. Estou vendo as coisas acontecerem - afirmou Eurico Miranda.

Eurico Miranda adiantou que pretende mandar jogos fora do Rio de Janeiro. E sem a autorização da Federação. Ele garantiu inclusive que o jogo entre Flamengo e Vasco será disputado em Brasília. Vale lembrar que o clássico tem mando de campo do Rubro-Negro, que ainda não confirma a mudança.

O meu conceito é que o campeonato estadual se disputa dentro do Rio de Janeiro. Estou mudando tudo. Agora se eu resolver jogar fora, vou jogar fora. E que não me venha essa história de que tem que ter autorização. Porque não tem que ter autorização para nada mais. Eu cheguei à conclusão que na verdade o que está acontecendo é uma situação de "barata-voa". E na barata-voa vale qualquer coisa. E eu estou entrando na barata-voa. Não sei quais são as consequências - revelou.

O presidente do Vasco ainda mostrou contrariedade com a mudança de data da estreia na Taça Guanabara. O confronto contra o Bangu será realizado no domingo.

Queria saber por que razão marcaram o meu jogo para a televisão, dentre todos escolheram meu jogo para ser o jogo da TV domingo? Por que não sábado? Por que não é o clássico? Me consultaram? Esse eu vou cumprir. Se vierem outros, eu não sei se vou cumprir - disse.

Por fim, Eurico Miranda classificou a realização da Primeira Liga como "esculhambação". O presidente diz ainda que em nenhum momento foi convidado a fazer parte da associação.

Amanhã, isso não é oficial, vai sair o "campeão da Primeira Liga". Isso virou uma esculhambação tal, que essa Primeira Liga já teve a ousadia de mandar para a CBF um decálogo. Ela é conhecida como Liga. Por quem? Eu não estou nessa liga, não fui chamado para isso. Uma coisa que tem ficado muito clara. Liga, para acontecer nesse país, tem que os clubes todos sentarem, discutirem, chegar à conclusão da criação da Liga ou não. Não vamos enganar as pessoas, enganar a opinião pública - concluiu.

Fonte:globoesporte
face

0 comentários: