Banco Central acha R$ 11 milhões em contas de mulher de Cabral

06:17 Fagner Soares 0Comentários



O Banco Central encontrou R$ 11 milhões em contas bancárias de Adriana Ancelmo, mulher do ex-governador do Rio de Janeiro. De acordo com informações do jornal O Globo, investigadores encontraram R$ 10 milhões na conta pessoal da advogada e mais R$ 1 milhão na de sua firma de advocacia. Nas contas de Cabral, foram encontrados R$ 455.

Por ordens do juiz federal Sérgio Moro, o Banco Central bloqueou R$ 10 milhões das contas de cada um dos acusados da Operação Calicute.

"O sequestro e confisco podem atingir ativos até o montante dos ganhos ilícitos. Também se justifica a mesma medida em relação às contas das empresas de sua titularidade e controle que podem ter sido utilizadas para ocultar e dissimular a vantagem indevida recebida", diz o despacho de Moro.

Investigações apontam que o patrimônio de Adriana se multiplicou durante o período em que Cabral esteve à frente do governo do Rio. A Receita Federal classificou como "pujantes" as movimentações financeiras de Adriana, mas não garante incompatibilidade entre os rendimentos declarados.

 

estadao

face

0 comentários: