“Quem dá emprego é que tem que ir as ruas se manifestar”, afirmou Normando

06:32 Fagner Soares 0Comentários



Na sessão ordinária da última quinta-feira (17), na Câmara de Juazeiro do Norte, o vereador Normando Sóracles (PSDB) convocou os empresários do município e de todo Triângulo Crajubar, para realizar uma manifestação em combate a corrupção que se alastra pelo país. A intensão do parlamentar é tentar amenizar a crise.

Em pronunciamento, Normando denunciou as muitas demissões que vem ocorrendo na cidade e em toda Região do Cariri.  "A crise econômica que o Brasil atravessa está elevando as taxas de desemprego a patamares nunca visto", afirmou o parlamentar.

Segundo Normando, o Sindicato dos Comerciários está homologando cerca de 30 rescisões contratuais todos os dias e, no intervalo de um mês, mais de 700 comerciários já perderam os seus postos de trabalho. "São filas enormes, na hora de homologar a rescisão e, depois, outra quilométrica na busca de se cadastrar no programa seguro-desemprego" enfatizou.

Em conversa com o site Miséria a homologadora Rejane Ferreira disse que atualmente são 15 rescisões por cada turno e até já tinha chegado a 20. Se não fosse uma bursite que contraiu em virtude do excesso de trabalho.

Ela explicou que novas homologações só estão sendo agendadas para a partir do dia 6 de dezembro. Ainda de acordo com Rejane, há mais de um ano que o movimento tem sido este quando deveria estar ocorrendo as chamadas contratações temporárias. Pior que isso, a perspectiva é de aumento no volume de demissões a partir de janeiro.

Normando disse que vai conclamar todos os empresários de Juazeiro e da região para fazer uma grande manifestação. A reivindicação é para que os valores que foram roubados do país sejam repatriados e emprestados ao comércio estabelecido no semi árido nordestino, através de um linha de crédito especifica tendo como gestor o Banco do Nordeste.

Será pedido também uma carência de seis meses e juros subsidiados iguais ao que o banco conseguia para financiar a empresa de telecomunicações ´Oi´ que está na eminência de dar um calote naquela instituição.

FONTE: Miseria
face

0 comentários: