Homem saiu para matar o seu cunhado e assassinou outra pessoa em Barbalha

06:39 Fagner Soares 0Comentários



Zé Carlos seria o alvo, mas Luis Sérgio foi quem tombou sem vida (Foto: Reprodução)

Uma pessoa morreu e outra saiu ferida num tiroteio registrado por volta das 10h30min deste domingo, na Avenida Luiz Gonzaga perto da Capela de Nossa Senhora Aparecida (Bairro Malvinas) em Barbalha. O crediarista Luiz Sérgio Teles Diniz, de 38 anos, que residia na Rua P25, número 220 naquele bairro, tombou sem vida ao ser atingido por balas perdidas no momento de uma tentativa de execução e se constituiu no último homicídio do ano na região do Cariri.

O homem marcado para morrer era o pedreiro José Carlos Félix, de 40 anos, residente na Avenida Fortaleza (Bairro Cirolândia) em Barbalha o qual saiu baleado no braço, abdômen e, de raspão, na cabeça sendo socorrido ao hospital. Segundo ele, o autor dos disparos foi o seu próprio cunhado Jarbas Gilson Januário, de 36 anos, residente no bairro Cirolândia, que fugiu na garupa de uma moto pilotada por uma pessoa identificada apenas por "Fabinho" que mora nas Malvinas.

No local, uma patrulha da Polícia Militar obteve informações que "Zé Carlos" e Jarbas tinham se desentendido recentemente e o primeiro tentou matar o seu cunhado. Inclusive, Jarbas já tinha sido vítima de uma tentativa de homicídio tendo como autor Telito Filgueira Sampaio Teles ocorrida em agosto de 2012 igualmente em Barbalha. Quanto a Luiz Sérgio, que morreu ontem, respondia procedimento por crime de violência doméstica contra Iris Maria Alexandra praticado no início de 2017.



Por Demontier Tenório
Miséria.com.br

face

0 comentários: