Chuvas rompem tubulações e abrem crateras em Natal e Parnamirim

06:49 Fagner Soares 0Comentários



Na praia de Pirangi, em Parnamirim, cratera aberta pela força das águas levou parte da Rua Omar Batista de Lima embora (Foto: Reprodução)

As chuvas que caem sobre a Grande Natal nos últimos dois dias vêm causando estragos. Em Natal e Parnamirim, pelo menos duas crateras foram abertas em razão da força das águas, que forçaram o rompimento de tubulações. Até o momento só há registro de danos materiais.

Em Parnamirim, o estrago foi na praia de Pirangi. A enxurrada levou parte da Rua Omar Batista de Lima embora. O lugar é conhecido como ´buraco da velha´.

Ninguém ficou ferido, mas a vizinhança ficou assustada.

Já na Zona Norte de Natal, um enorme buraco foi aberto no meio da Rua Felipe Camarão, no bairro Igapó. Nenhuma casa foi interditada até o momento, mas a Defesa Civil do município pediu aos residentes mais próximos que procurem abrigo em casas de amigos ou parentes.

Somente nas últimas 48 horas, ainda de acordo com a Defesa Civil, choveu aproximadamente 115 milímetros nas quatro regiões administrativas da capital. E a previsão é de que as chuvas continuem até o domingo (1º).

A Defesa Civil vem monitorando pontos de alagamento pela cidade. Algumas lagoas de capitação já estão com os níveis bastante elevados, como no Santarém, na Zona Norte, e na Cidade da Esperança, na Zona Oeste. Ambas estão sendo monitoradas de perto. Uma árvore tombou ao lado do Teatro Alberto Maranhão, na Ribeira, na Zona Leste da cidade, mas não causou maiores danos.

Ligações para a Defesa Civil devem ser feitas para o número de emergência 190, que é o número principal do Centro Integrado de Operações de Segurança Pública, o Ciosp.

Natal em alerta

A Prefeitura de Natal montou um esquema de plantão para atuação da Defesa Civil durante o feriado da Semana Santa. O objetivo é conseguir dar resposta rápida a possíveis desastres provocados pela chuva. Alerta do Ministério da Integração Nacional diz que até o domingo (1º) Natal, Fortaleza e João Pessoa devem ter chuvas acima da média, com previsão também de ondas acima de três metros no litoral.

Fonte: G1



face

0 comentários: