Netflix vai boicotar Cannes após regra de não premiar filmes de streaming - Rádio São Pedro Fm 105,9

Post Top Ad

Netflix vai boicotar Cannes após regra de não premiar filmes de streaming

Share This


(Foto: Reprodução/ Terra)

A Netflix vai ignorar Cannes este ano por conta de uma nova regra do evento. Em março deste ano, o festival anunciou que somente filmes que estrearam em cinemas poderiam fazer parte das premiações. Com isso, automaticamente excluíram produções da Netflix e Amazon. 

Em retaliação, a plataforma de streaming informou que não vai apresentar nenhum de seus longas no evento. Na época do anúncio, o CCO da empresa, Ted Sarandos, havia dito que a Netflix estava se programando para participar do cenário não competitivo do evento mesmo com a decisão, mas resolveu voltar atrás na ideia.

Em entrevista à Variety, ele afirmou que temia que os filmes e os produtores da empresa fossem desrespeitados em Cannes. "Eles deram o tom. Eu não acho que seria bom estarmos lá", afirma.

Esta batalha entre Netflix e Cannes acirra uma disputa intelectual, sobretudo encabeçada por Steven Spielberg, de que as produções de streaming e do cinema são diferentes e não podem ser concorrentes. Em março deste ano, o renomado diretor e produtor chegou a afirmar que os filmes da Netflix não deveriam concorrer ao Oscar.

O encabeçador do evento, Thierry Frémaux, durante o anúncio de que os filmes de streaming não concorrerão, chegou a defender a tese de Spielberg. "O cinema triunfa em todos os lugares, mesmo nesta era de ouro do streaming. A história do cinema e a história da internet são duas coisas diferentes", disse.

A polêmica começou no ano passado, quando a Netflix concorreu ao prêmio com duas produções: Okja , do diretor Bong Joon-ho; e Os Meyerowitz: Família Não Se Escolhe , de Noah Baumbach.

A Netflix atualmente está produzindo The Irishman , longa de Martin Scorsese com participação de gigantes do cinema como Robert De Niro, Al Pacino e Joe Pesci. 

Terra



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad