Tribunal do Júri do Ceará condena membro do PCC por homicídio - Rádio São Pedro Fm 105,9

Post Top Ad

Tribunal do Júri do Ceará condena membro do PCC por homicídio

Share This

Tribunal do Júri do Ceará condena membro do PCC por homicídio (Foto: Ilustrativa)

O réu Leandro de Sousa Teixeira foi condenado a cumprir pena de 14 anos e 3 meses de reclusão, por crime de homicídio, pelo Tribunal do Júri do Ceará. Ele vitimou Aleg-Sandro Gomes de Sousa na virada do ano de 2014 para 2015, no Bairro Bom Jardim em Fortaleza.

O motivo do crime foi ciúmes, uma vez que o réu acreditou, equivocadamente, que a vítima queria algum relacionamento amoroso com a namorada dele, de nome Eliádila Mariano Marques.

Durante as investigações, ficou comprovado que ao resolver matar a vítima, Leandro arrombou o apartamento de Aleg-Sandro, disparou contra a geladeira, para, logo em seguida, assassiná-lo nas escadas do bloco de apartamento, na presença de familiares da vítima.

Leandro é apontado como um dos braços da facção Primeiro Comando da Capital (PCC) no Estado do Ceará, com atuação na cidade de Caucaia.

Submetido a julgamento, o Conselho de Sentença, por maioria de votos, reconheceu a materialidade do fato, ao responder afirmativamente o primeiro quesito. Também por maioria de votos os jurados reconheceram a autoria imputada ao acusado Leandro de Sousa Teixeira, conforme resposta dada ao segundo quesito.

Em síntese, o Conselho de Sentença decidiu haver o réu Leandro de Sousa Teixeira cometido um crime de homicídio duplamente qualificado. A sentença foi dada pelo juiz da 4ª Vara do Tribunal do Júri da Comarca de Fortaleza, Antônio Carlos Pinheiro Klein Filho.


Por João Boaventura Neto
Miséria.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad