Corpo de piloto que morreu em queda de avião com Gabriel Diniz é velado em Maceió - Rádio São Pedro Fm 105,9

Post Top Ad

Corpo de piloto que morreu em queda de avião com Gabriel Diniz é velado em Maceió

Share This

Velório do corpo de Abraão Farias, piloto do avião que caiu com Gabriel Diniz no interior de Sergipe (Foto:Reprodução/G1)


O corpo de Gabriel Abraão Farias, um dos pilotos da aeronave que transportava o cantor Gabriel Diniz e caiu em Estância, em Sergipe, começou a ser velado na manhã desta terça-feira (28) em uma igreja evangélica de Maceió. O piloto era diretor do Aeroclube de Alagoas, junto com a terceira vítima do acidente, o também piloto Linaldo Xavier Rodrigues, que será velado em Água Branca, no Sertão alagoano.

O velório de Gabriel Diniz, que tinha 28 anos e ganhou fama nacional com o hit "Jenifer", começou nesta manhã em João Pessoa, onde o cantor morava.

A previsão é de que o corpo de Abraão seja enterrado às 14h, no Campo Santo Parque das Flores, no bairro do Benedito Bentes. Assim como o velório, o sepultamento do corpo de Linaldo vai acontecer em Água Branca, onde moram os pais dele.

Gabriel Diniz havia feito um show no último domingo (26) em Feira de Santana, na Bahia. O acidente ocorreu quando ele saiu com os outros dois pilotos de Salvador em direção a Maceió para comemorar o aniversário da namorada, Karoline Calheiros.

Em nota, a Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC), informou que o avião que caiu, o monomotor de matrícula PT-KLO, estava em situação regular: com o Certificado de Aeronavegabilidade (CA) válido até fevereiro de 2023 e a Inspeção Anual de Manutenção (IAM) em dia até março de 2020.

Porém, de acordo com a agência, a aeronave só poderia fazer voos de treinamento ou de instrução. A ANAC abriu investigação para apurar se a aeronave fazia táxi aéreo irregular, suspendeu as operações e interditou nove aeronaves do Aeroclube de Alagoas.

Segundo o aeroclube, os pilotos davam uma carona para o músico até Maceió na aeronave, que pertencia à entidade.

O pai do piloto Abraão, contudo, nega a versão da carona. Erivaldo Farias disse em entrevista à TV Gazeta nesta manhã que Gabriel Diniz contratou o serviço para voos de ida e volta entre Alagoas e Bahia, e pagaria por ele ao final da viagem.

Fonte: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad