Golpista dá prejuízo de quase R$ 2 milhões ao adquirir carros, cavalo de raça e cabeças de gado - Rádio São Pedro Fm 105,9

Post Top Ad

Golpista dá prejuízo de quase R$ 2 milhões ao adquirir carros, cavalo de raça e cabeças de gado

Share This

Suspeito preso em Cascavel (Foto: Reprodução/ Diário do Nordeste)
Em 07/10/2019 às 14:30

Um homem de 34 anos foi preso suspeito de aplicar golpes ao negociar veículos e bens de valor em troca de serviços que ele não realizava, nesta segunda-feira (7), em Cascavel, Região Metropolitana de Fortaleza. Os golpes somam prejuízo de cerca de R$ 2 milhões, segundo a polícia. O estelionatário agia com um comparsa, que está foragido. Os crimes iniciaram há cerca de quatro meses.

Um dos bens negociados pelo golpista foi um caminhão, que acabou vendido para outras duas pessoas e retirado do estado sem que antes ele concluísse o pagamento ao proprietário. Entre outros bens também estão carros, um cavalo de raça e 45 cabeças de gado. A polícia de Cascavel afirma que os itens foram localizados e boa parte deles devolvidos aos donos.

“Caminhão que ele me comprou e repassou pra terceira e quarta pessoa. O caminhão foi do estado do Ceará pra Bahia, foi feita locação lá. E o caminhão apareceu ontem batido, pneus faltando e no prego, quebrado", conta uma das vítimas, o agricultor Francisco Humberto Oliveira. O prejuízo, segundo o agricultor, foi de R$ 35 mil.
Prometia serviços e não realizava

De acordo com a polícia, o suspeito negociava obras e ia trocando os bens adquiridos com os golpes por outros. 

“Eles prometiam realizar empreitadas, eles começaram com pequenos golpes. Se iniciou com um veículo, um Ford Fusion. Eles prometeram realizar uma piscina, não fizeram, e pegaram esse primeiro carro. Desse carro eles começaram a realizar outras trocas, um carro em dois prometendo realizar uma obra, aí com esses carros eles já passavam para um indivíduo dizendo que iam fazer pagamento tal, sabendo que eles já não eram proprietários desses carros. E com esses objetos, produtos de crime, eles conseguiam comprar outras coisas maiores, realizar trocas fraudulentas haja vista que esses objetos não lhes pertenciam”, explica o delegado de Cascavel, Josafat Filho.

Cerca de 10 denúncias foram formalizadas na Delegacia de Cascavel. O sogro do suspeito foragido está entre as vítimas, afirma a polícia. Outras pessoas continuam procurando a polícia para denunciar os golpes.

Diário do Nordeste

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Post Bottom Ad